segunda-feira, 26 de novembro de 2012

SN:The Surviving (Naty)

Então Naty, você disse que queria algo mais triste. Eu fiz duas sinopses, ok? Você não detalhou muito sobre outras partes da vida da garota e por isso fiz as duas. Não esqueça de deixar um comentário tá? E me diga qual escolheu! Se não gostar pode refazer o pedido, ok? Espero que goste!

Sinopse 1 : Se acha que vai encontrar uma garota perfeita em mim está enganado, vai encontrar alguém que mostra para os outros que é forte mais no fundo chora a noite por não aguentar tanta pressão. Me chamo Manuella e tenho 14 anos, minha vida mudou a partir de meus 10 anos de idade, o porque? Não conto pra ninguém, nem mesmo pra você.

Depois de acontecer o que eu sempre mantenho em segredo eu me tornei uma menina briguenta, mas só por fora. Porque vocês sabem o tanto que a dor muda as pessoas. Não tenho amigos, por isso sou maltratada na escola e por falta de coisas boas as lembranças me atormentam  A minha vida é cheia de coisas ruins, mas sei que um dia isso vai me fazer uma pessoa forte.

Meu melhor amigo é meu irmão, quem eu amo. Espero que possa encontrar um grande amor, mas isso não é o que eu mais quero na vida. Agora tudo vai mudar, tudo está prestes a mudar. Tudo. Agora eu visto o melhor vestido e solto os meus cabelos, caminhando pelas ruas exibo meu largo sorriso. Sei que um dias as coisas vão melhorar, tem que melhor e tenho certeza que meu melhor amigo/irmão vai me ajudar de todas as formas...

Sinopse 2: Eu não sei o que sou e porque estou aqui. Lembranças me fazem voltar com tudo para o passado e eu não consigo deixar de voltar para ele. Tudo começou a partir de meus 10 anos de idade, sinceramente eu não sei o que me tornei.

Sou uma garota briguenta, isso foi o único jeito para tentar esconder o que eu não deixo as pessoas perceberem. Não tenho amigos, sou maltratada no colégio, não tenho nada. Na realidade tenho, meu irmão. Ele é meu único amigo e saber disso doí.

Não sei o que estou sentindo, mas eu acho que estou encontrando alguém. Um alguém proibido, mas sempre que tento ver mais além disso volto a rever meu passado. Digamos que não sou a pessoa que vai querer por perto, minha vida é muito difícil  Eu não sei o que estou sentindo, nunca senti isso antes muito menos por ele. Apesar de todas as dores eu visto o melhor vestido e solto meus cabelos, caminhando pelas ruas exibo meu largo sorriso. Sempre.


2 comentários:

  1. Mary eu adorei as duas muito obrigado , eu fiquei com a 2, pq sei lá acho que gostei mais :D

    ResponderExcluir
  2. Que bom que gostou Naty!
    Beijos e obrigada pelo comentário!

    ResponderExcluir